sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Uma bela homenagem a um grande campeão


O sorriso de Nélson Évora só esmorece quando as perguntas têm que ver com a existência de uma suposta namorada cuja foto foi publicada em jornais. “Sobre a minha vida privada não falo”, declarou, peremptório, o atleta do triplo salto, vencedor da única medalha de ouro para Portugal nos Jogos Olímpicos de Pequim, durante a homenagem que lhe foi feita pela Modalfa, pela sua agência, a Glam Sports, e pelos amigos e familiares. A bordo de um barco que percorreu parte do rio Tejo e que ostentava imagens da nova campanha da marca de roupa na qual o atleta participa, Nélson Évora e o seu treinador, João Ganço, foram alvo de várias iniciativas carinhosas perante as quais não conseguiram esconder a emoção. Uma delas foi quando vários amigos, entre eles David Ganço, filho do treinador, protagonizaram um hilariante momento de karaoke ao som do apropriado tema I Believe I Can Fly, de R. Kelly.
Ausentes estiveram os pais do atleta, já que o pai se encontra em convalescença. Sobre eles, Nélson contou que, quando ganhou a medalha, ouviu da mãe “os elogios que um filho gosta de ouvir. Disse-me que agradeceu muito a Deus e que tinha muito orgulho em mim. Quando cheguei a Lisboa, só queria correr para casa para abraçar a minha mãe e o meu pai, que já tinha saído do hospital e estava em casa”. A família é, como se percebe, uma das prioridades do atleta: “A família e o respeito pelo próximo são valores muito importantes para mim.” E foi exactamente sobre os pais do atleta que o seu treinador de sempre quis falar: “O Nélson tem uns pais excelentes. Já os conheço há muitos anos e são fantásticos para ele. A base da educação do Nélson é deles e fizeram um muito bom trabalho.”

Fonte: Caras

1 comentário:

Amélia Rocha disse...

Nelson,

És um dos melhores atletas do nosso país. E sinceramente espero que os portugueses abram os olhos e não dêem tanto valor do Futebol pois esses só têm manias e pouco fazem pelo país.

Beijo